terça-feira, 30 de agosto de 2016

Prefeito de CANOAS Jairo Jorge assina LEI DA VIGILANCIA 24 HORAS NOS BANCOS

Em uma solenidade bastante prestigiada, na manhã de hoje, na Prefeitura de Canoas, o prefeito Jairo Jorge (PT) sancionou a lei da vigilância armada 24 horas nas agências bancárias do município, um dos mais importantes do Estado, com o segundo PIB e a quarta maior população do Rio Grande do Sul (323.827 habitantes). “Isso trará mais segurança para a cidade e, obviamente, o exemplo de Canoas será seguido por outros municípios”, disse o Prefeito, após a assinatura do documento. “Além disso, nesse momento de crise, estamos ampliando, onde é possível, a oferta de trabalho, pois somos parceiros do sindicato para gerar mais trabalho e mais segurança”, acrescentou.

Tendo ao lado, no salão lotado, o presidente do Sindivigilantes, Loreni Dias, o diretor jurídico do sindicato, Gérson Farias, e o apoio André Rodrigues, além de secretários, autoridades municipais e diversos vigilantes, o prefeito ressaltou que o Rio Grande do Sul vive um momento de crise na segurança pública, no qual as agências bancárias representam um ponto de risco para o cidadão. “Se tem um setor que pode ajudar, tem condições financeiras de contribuir (com mais segurança) é o setor financeiro do nosso país”, completou Jairo Jorge, referindo-se aos ganhos dos bancos, que sempre são altos, “com crise ou sem crise”.

O secretário municipal de Segurança, Alberto Kopittke, destacou que essa lei, de autoria do vereador Paulinho De Odé (PT), foi debatida longamente na Câmara Municipal e torna a cidade, segundo ele, a mais avançada em termos de segurança bancária do Estado e também do País. “Todos os dias temos ataques, explosões, saidinhas de banco, e esta lei oferece um sistema de proteção tanto aos bancários, como aos cidadãos que vão aos bancos, como também aos vigilantes”, disse Kopittke, pois ela prevê a ainda a instalação de equipamentos de segurança nas agências, como portas eletrônicas, com detector de metais, e câmeras de monitoramento.

Para o secretário, a partir da efetivação da vigilância 24 horas nos bancos, a Polícia Civil, a Brigada Militar e a Guarda Municipal terão mais tranquilidade para cuidar de outras áreas da cidade. O prefeito alertou ainda que a lei poderá sofrer contestação judicial dos bancos, mas disse que o setor jurídico da prefeitura está preparado para agir visando garantir que ela passe a valer, se for necessário. A prefeitura também está apoiando o sindicato na implantação na cidade de um projeto da Vigicoop, a cooperativa habitacional dos vigilantes.

No seu agradecimento ao prefeito, o presidente Loreni Dias lembrou também dos vereadores que aprovaram a lei e disse que o projeto não é do Sindicato dos Vigilantes e nem dos vereadores, mas da população, que ganha com isso mais segurança e mais oportunidades de emprego. “Agradeço ao prefeito e á recepção que tivemos de todos aqui, pois Canoas foi um dos municípios que mais nos acolheu. Só tenho a agradecer e dizer que essa é uma vitória do povo canoense”, finalizou. Tão logo seja publicada no Diário Oficial do município, divulgaremos a íntegra da lei.

Obs: Aqui em Santiago o MESMO PROJETO apresentado por mim esta em TRAMITAÇÃO. Vereador Sérgio Marion 13607

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

CANDIDATOS PARTIDO DOS TRABALHADORES - SANTIAGO/RS

O Partido dos Trabalhadores - PT de Santiago concorre com Antôno Bueno e Cláudio Freitas - 13 para o Executivo Municipal com o lema "Mudança de Verdade".

Para a Câmara de Vereadores concorrem os seguintes candidatos:

Chico Matos nº 13220
Clair Pereira nº 13603
Iara Castiel (Reeleição) nº 13130
José Airton Clerice nº 13444
José Luiz 'Toti' Bueno nº 13007
Luciano Garcia nº 13111
Marina Bastos nº 13610
Sérgio Marion (Reeleição) nº 13607
Sérgio Tusi nº 13013
Em Santiago, dia 02 de Outubro, vote 13 !

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Preciso de seu VOTO, Para CONTINUAR MEU TRABALHO - Vereador Sérgio Marion 13607

"Nos momentos de DIFICULDADES da minha comunidade, EU ESTAVA LA". Preciso de seu VOTO, Para CONTINUAR MEU TRABALHO".
Vereador Sérgio Marion 13607
click na imagem para Ampliar

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Secretaria de Saúde PEDE PRA SAIR - Vereador Sérgio Marion 13607

ADMINISTRAÇÃO DE SANTIAGO NOVAMENTE falta com RESPEITO com a comunidade e com o Parlamento Municipal, fiz um pedido de informação a secretaria de Saude dia 26/07/2016 ATÉ O MOMENTO NADA DE RESPOSTA (Pela lei tem 15 dias pra responder) - DESRESPEITO TOTAL COM A COMUNIDADE.

"Sugiro a Secretaria de Saúde se não consegue responder um pedido de informação em 22 dias PEDE PRA SAIR".
 ‪#‎MandatoVereadorSergioMarion Vereador Sérgio Marion 13607 - A voz da comunidade.

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

MEU CIDADÃO BENEMÉRITO - WILSON ROBERTO ATAÍDES CARDOSO (Professor ROBA) - Vereador Sérgio Marion

Ontem entreguei o TITULO de CIDADÃO BENEMÉRITO ao meu INDICADO Professor WILSON ROBERTO ATAÍDES CARDOSO (Professor ROBA). Parabéns professor e também a todo(a)s os HOMENAGEADOS!  Foto: Éder Alves 

segunda-feira, 8 de agosto de 2016

MELHOR VEREADOR OPOSICIONISTA DE 2016 - Vereador Sérgio Marion

- OS MELHORES DO ANO, Jornal Expresso - 

Fui escolhido o MELHOR VEREADOR OPOSICIONISTA DE 2016
- Com MAIS DE 30% DOS VOTOS    \O/\O/\O/ - 
"Muito OBRIGADO minha COMUNIDADE, isto demostra que estou no CAMINHO CERTO !

quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Quatro ataques a banco em 12 horas, explosão, população apavorada. E agora, vereadores?

A IMPORTÂNCIA DO PROJETO POR MIM APRESENTADO QUE JA ESTA EM TRAMITAÇÃO NA CÂMARA - PREVÊ VIGILÂNCIA ARMADA 24 HORAS NAS AGENCIAS BANCARIAS DE SANTIAGO.
Agência onde aconteceu a explosão já tinha sido
atacada por assaltantes em 2013
Foto: Rádio Gaúcha

“Os vereadores e vereadoras também são responsáveis pela falta de segurança da população, em relação aos ataques a bancos, que agora acontecem a qualquer hora, até mesmo com o uso de explosivos”, afirmou nesta quarta-feira (3) o presidente do Sindivigilantes do Sul, Loreni Dias. Ele cobra de vereadores e prefeitos a aprovação da lei da vigilância armada 24 horas nas agências bancárias, que foi aprovada pelas Cãmaras Municipais em 35 municípios gaúchos e já é lei em pelo menos 16.

A manifestação do presidente foi em reação ao noticiário da imprensa, nesta quarta-feira, que registrou quatro ataques a banco em apenas 12 horas, no Rio Grande do Sul, entre esta última noite e a madrugada. O caso mais grave foi no assalto ao Sicredi de São José do Herval, na Região do Planalto, onde os bandidos usaram explosivos para estourar os terminais eletrônicos.

“É justamente o Sicredi que não quer contratar vigilantes e o que mais pressiona contra a aprovação da lei do vigilante 24 horas”, apontou Dias. Um dos temores do sindicato é que uma explosão dessas cause uma tragédia maior, além do do susto, já que muitas agências funcionam no térreo ou próximos de prédios residenciais.

A população de São José do Herval, de apenas dois mil habitantes, ficou apavorada com o barulho da explosão. Nenhum bandido foi pego até agora, dizem as notícias. Esta mesma agência foi assaltada em 08 de abril de 2013. Daquela vez, os assaltantes invadiram a casa do gerente do banco e mantiveram toda a família como refém, enquanto o levavam ao banco para roubar uma grande quantia de dinheiro.

Também na madrugada passada, foi arrombada uma agência do Banco do Brasil, na Avenida Primeiro de Março, em Novo Hamburgo, onde os criminosos fizeram um buraco na parede para entrar no prédio e levar o dinheiro. Foram atacadas, ainda, duas agências do Banrisul, uma no Balneário Pinhal, onde um assaltante foi baleado pela Brigada Militar, e outra em Caxias do Sul. Neste caso, os assaltantes, fugiram levando o dinheiro.

“Que estes casos sirvam alerta para os vereadores que não acordaram ainda para a gravidade deste problema, que atinge todo o Estado e cidades grandes ou pequenas, e se algo pior acontecer, a responsabilidade é deles”, advertiu Dias. “Esperamos que tomem consciência e aprovem logo esta lei, para que as pessoas tenham um pouco mais de paz e segurança, ou os seus eleitores vão cobrar isso depois”, completou.

O projeto em questão diz que as agências bancárias públicas e privadas e as cooperativas de crédito, como o Sicredi, ficam obrigadas “a contratar vigilância armada, diuturnamente, perfazendo as 24 horas do dia, inclusive aos finais de semana”. No mesmo projeto está incluída a instalação obrigatória de equipamentos de segurança, como a porta giratória eletrônica, escudo de proteção ou cabine para os vigilantes, câmeras de controle e guarda-volumes.

Fonte: http://www.sindivigilantesdosul.org.br/?p=1878

terça-feira, 2 de agosto de 2016

Ontem protocolei dois PROJETOS DE LEI - Relacionados a SEGURANÇA DA NOSSA COMUNIDADE !

O Primeiro 
 " Dispõe sobre a contratação de Vigilância Armada 24 horas nas Agências Bancárias Públicas e Privadas e nas Cooperativas de Crédito do Município de Santiago".
O projeto representa mais SEGURANÇA, TRANQUILIDADE E MAIS VAGAS DE TRABALHO A NOSSA COMUNIDADE.
‪#‎MandatoVereadorSergioMarion‬ - Compromisso com VOCÊ !
O  Segundo 
“Dispõe sobre a obrigatoriedade de instalação de dispositivos adicionais de segurança pelas agências e postos de serviços bancários e dá outras providências”.
O projeto representa MAIS SEGURANÇA aos trabalhadores e a COMUNIDADE.
 ‪#‎MandatoVereadorSergioMarion‬ - Compromisso com VOCÊ !


Arquivo do blog